domingo, 12 de maio de 2013

Não Maldizer

“É melhor acender uma pequenina vela do que maldizer a escuridão.”
[Confúcio]

  É vero, a escuridão não se dissipará com o som da nossa voz mas cederá a pequenina vela.
  Depois de anos em contato com meus amigos mortos eu tenho uma boa indicação filosófica para tudo, o difícil é coloca-la em pratica.
  Por fora eu acendo a pequenina vela, mas por dentro por vezes me pego maldizendo as coisas.
  É muito chato não poder escolher o que sentir e ter que se contentar apenas com o agir.

  Escrevendo o texto sobre Governo fiquei imaginando se nosso povo realmente depois de Collor votasse cada vez mais em políticos competentes e honestos, em que nível de desenvolvimento já estaríamos.
 Embora eu viva bem fico triste pelo que não aconteceu.
 Pode isso!?

 Reeleger Lula depois de saber do Mensalão foi mais uma peripécia latina... como não maldizer uma coisa dessas!?

  No texto sobre Bush fiquei imaginando o Iraque com uma economia forte inspirando democracia e justiça por todo Oriente Médio, sociedades mais laicas.

  Acendo a vela neste humilde Blog, mas maldigo tudo que aconteceu e tenho sentimentos de saudades de coisas boas que não aconteceram.

  Entretanto o amigo Confúcio está coberto de razão, façamos o que é melhor, sejamos a vela e não apenas mais um a maldizer a escuridão.

  Boa noite a todos!
  Se cada um iluminar um pouco, a luz prevalecerá sobre as trevas e o escuro terá sua melhor utilidade na hora do sono, bons sonhos, uma semana de muita luz.

 Persistamos na Democracia, que ela nos leve aos nossos melhores dias.




  “A noite é o reino da calma
  É o reino da pausa, tempo de amar.”




anterior                       COMENTAR                                próximo


Postar um comentário