sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

Que tal uma rapidinha?

  “Pesquisa revela que mulheres preferem comprar roupas a fazer sexo."
  Fanáticas topam ficar 3 anos na secura em troca de uns panos.
  Maioria acredita em amor à primeira vista - entre a mulher e o modelito. [G1]  Clique Aqui
%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%
    “Tenho na minha LEMBRANÇA como era gostoso desejar ir para cama com qualquer mulher mais ajeitadinha e quando conseguia era muito prazeroso.” Clique Aqui

  O que nos leva a buscar o prazer é a “lembrança” do prazer sentido.
 
  Fixe isto em sua mente ou esse texto não fará nenhum sentido, guarde esta CHAVE.
  Alguns prazeres como o sexo estão “programados” para acontecerem outros devido a frequência que vibramos “tropeçamos neles”.
  Alguém que goste muito do jogo de cartas pode nunca ter contato com esse tipo de jogo e se manter afastado dele, mas se por um acaso tropeçar com um grupo de pessoas jogando cartas ou algo parecido será atraído por ele.
  Lembram da moça que foi fazer companhia a vizinha que visitava o marido na prisão?
  Talvez se nunca surgisse uma oportunidade que a atraísse para o presidio ela teria relacionamento com um homem livre, mas como tropeçou nesse acaso [karma ou destino] “cumpriu-se as escrituras.”
  Porque ela sentiu atração por um presidiário?
  Nem ela saberia explicar, não escolhemos o que sentir.
  Mas a lembrança daquele prazer busca a repetição, ela vai querer vê-lo de novo e de novo…
ºººººººººººººººººººººººººººººººººººººººº
  Já escrevi aqui sobre o que fazer quando temos prazer por algo com grande capacidade de destruir nossas vidas, torna-la muito ineficiente, quem não leu clique aqui
  Uma mulher solteira que se aproxime de mim, é uma franco atiradora que tem bem pouco a perder já eu por uma aventura posso perder mulher e filhos, meu casamento pode ser desfeito.
Guarde esta outra chave:

  O PRAZER TEM QUE COMPENSAR A DOR.

  O fato é que quando olhava para uma mulher gostosa podia tentar ir para cama com ela ou pelo menos ficar imaginando como seria.
  O prazer era muito e a dor era gastar algum dinheiro ou receber um não, ser rejeitado.
  Uma dor pequena para um prazer significativo.

  Casado, não é recomendado eu tentar ir para cama com aquela mulher gostosa e ficar imaginando esse tipo de coisa só aumentaria meu “conflito interno.” [Desculpem o excesso de aspas, mas para ser inteligível neste assunto é preciso muita habilidade]
  Logo, parar de admirar o corpo de uma mulher para eu mentalmente até seria possível, mas acontece que sou casado com uma mulher e deixar de admirar o corpo feminino poderia não ser muito bom para uma atividade sexual com minha esposa.
  Uma solução possível é eu continuar admirando o corpo das mulheres sem me imaginar indo para cama com qualquer outra que não seja a minha.

  Por vezes encontrar um resultado satisfatório para uma equação filosófica nem é tão difícil, o difícil é executa-lo.

  Encurtando o pensamento eu diria para os senhores que se eu ficasse solteiro hoje já não saberia na pratica como conquistar uma mulher, tenho as teorias, tenho as lembranças, mas depois de anos sem imaginar algo sério com uma mulher eu viveria um LIMBO de relacionamentos.
  Certas intensidades do prazer só podem ser alcançadas na fase da INOCÊNCIA, quando experimentamos aquela emoção pela primeira vez.
  A emoção do primeiro carro só é experimentada uma única vez, o segundo carro já é uma LEMBRANÇA DE PRAZER com menor intensidade.
  Eu e minha esposa lutamos muito para termos um lar, começar tudo novamente com outra mulher…daria uma léseira danada.
  A emoção do primeiro filho não tem mais possibilidade de existir uma vez que já tenho duas filhas.
  Não sou mais adolescente, mulheres para eu já não tem grandes segredos, hoje sei praticamente tudo o que esperar de um relacionamento, conheço a realidade de frente e verso, há pouco espaço para ilusão.
  Um sexo intenso com uma mulher maravilhosa hoje não será tão intenso e ela não me parecerá tão maravilhosa daqui 1 ou 2 anos.
  O que eu deveria fazer? Trocar de mulher a cada 2 anos!
ºººººººººººººººººººººººººººººººººººººººººº
  Eu chamo esse desenvolvimento do pensamento de TERAPIA DA LÓGICA.

“Um homem tem que fazer o que um homem tem que fazer.”

  Hoje eu não tenho um grande desejo sexual, segundo os Freudianos sou um homem doente, precisando de tratamento psicológico e químico.
  Prefiro ouvir meu amigo Darwin, naquele tempo que a Filosofia era de alta qualidade.
  Minha fase reprodutiva já passou do seu ponto ideal, é NATURAL que meu libido diminua, sou INTELIGENTE o bastante para conviver com isto.
  Sabem de uma coisa, não sou um ser tão sexual quanto Freud afirmou que eu fosse.
  Mesmo sem desejar “comer” todas as mulheres do mundo continuo viver tão bem quanto vivia antes, agora até mais tranquilo, correndo menos riscos, “nem só de sexo vive um homem.”
  Claro que essa equação tem uma outra solução também muito satisfatória, mas o texto já esta longo e a outra solução nos levaria para profundezas abissais é melhor ficar para um outro dia.
  Nem só de sexo vive o homem, o mesmo deve servir para as mulheres, espero que elas descubram isso e parem de nos culpar, aceitem a REALIDADE e comecem a se libertar dos sofismas Freudianos.




PS: Você mulher que esta estourando o cartão de crédito dá uma rapidinha com seu marido, não é tão bom, mas sai mais barato...HAHAHAHAHAHAAHAHAHAHAH!
  O SPC é um clube muito chato não tem nem piscina.


anterior         <>              próximo
Postar um comentário