sábado, 26 de julho de 2014

Ponto de Luz

  “O líder do grupo jihadista Estado Islâmico (EI), Abu Bakr al-Baghdadi, ordenou a prática da mutilação genital nas mulheres do califado muçulmano proclamado por sua organização, segundo um comunicado de seu organismo legal na província síria de Aleppo.”

  “O EI justifica a medida por seu empenho em "cuidar" da sociedade muçulmana e evitar "a expansão da libertinagem e da imoralidade" entre as mulheres.

  O texto deu como exemplo um "hadiz" (dito) do profeta Maomé que narra um encontro que teve um dia com uma mulher que se queixou de que sofreu a ablação e ele lhe respondeu que era bom para ela.”
UOL Noticias               Clique Aqui

[Ablação = Cirurgia. Ação de extrair, extirpar uma parte do corpo.]
%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%%   
  Em um debate eu disse que Israel é um “ponto de luz” naquela região tão conturbada que é o Oriente Médio:

  O que acontece é que há Judeus Ortodoxos radicais que ganham força quando os palestinos elegem islâmicos radicais.
  Quando os Palestinos visivelmente e nas urnas apoiaram os radicais do Hamas, os moderados de Israel perderam espaço.
   Os muçulmanos nem precisam de Israel para se matarem, sunitas e xiitas no geral são inimigos de morte.
   Aqui no Brasil evangélicos e católicos são correntes do cristianismo que se respeitam, mas os muçulmanos um quer matar ou escravizar o outro.
  Israel é só um pretexto a mais, uma desculpa que só engana ingênuos...

  Israel é um ponto de luz em uma região de trevas.

  Mas claro que Israel tem suas trevas representada nos radicais que infelizmente ganham espaço.

  Eu citei como um exemplo o IDH de Israel que é um dos melhores daquela região.
  Me foi dito que uma coisa não tem nada a ver com outra!
  Oras, se a qualidade de vida de um povo não tem nada a ver...o que podemos considerar importante!? O que podemos considerar “iluminado”.
  Aqui no Brasil temos um PIB gigantesco, mal distribuído e mal administrado.
  Isso é “iluminado” ou isso é “trevoso”?

  Vejam a matéria em destaque; um novo grande líder surge apoiando extrair a clitóris das mulheres!!
  Eu já escrevi sobre isso:

Andro e Lesclingand explicam que a ablação de clitóris era praticada na África muito antes da chegada das religiões monoteístas. A incidência geográfica corrobora que "não há relação entre a difusão do Islã num país e a proporção de mulheres afetadas pela mutilação", concluem.”   Clique Aqui

  Mas eu concluo que uma boa religião monoteísta ou politeísta não deveria incentivar essa pratica, você concorda comigo?

“Chega-te aos bons, serás um deles, chega-te aos maus, serás pior do que eles.”



Anterior          <>        Próximo
Postar um comentário