quinta-feira, 14 de março de 2013

Acumulo de Injustiça

  “Se eu não fui punido em vida, não serei em morte.”
    [Karma/Dharma]


  Este é um dos pensamentos que postulei mais difícil de ser aceito pelas pessoas.

  Elas dizem que seria INJUSTO, “quem fez tem que pagar”, “olho por olho, dente por dente”…



  No entanto é um pensamento tão OBSERVÁVEL e tão LÓGICO que quando chegou fiquei surpreso de não tê-lo pensado antes, escrevi e acreditei que seria uma grande revolução…
   Isto já faz muito tempo, quando eu ainda acreditava que meus pensamentos trariam algo de bom, hoje apenas escrevo, se eu pudesse parava de pensar, mas não consigo, é da minha natureza, uma aparente maldição que tenho que carregar.
  Lembram do texto sobre a UNE? Vamos falar sobre JUSTIÇA?

  Bom, para começar o prédio não deveria ser metralhado e invadido se a única coisa que os estudantes estavam fazendo era expressar suas opiniões, mas quem invadiu e prendeu tinha este poder e o exerceu.

  Quem tem o PODER tem a opção de ser justo ou não, esta é uma realidade observável.


  Os responsáveis pela injustiça já não existem mais ou não podem ser punidos, as vitimas estão na mesma situação então na nossa fantástica noção de JUSTIÇA cobramos da geração que nasceu em 1964!! 

  Muitos nascidos de 64 em diante não tiveram nem a condição de fazer uma faculdade, mas são forçados a “resgatar” uma divida do passado para com a UNE.
  Em favor de quem?
  De jovens que nunca foram vitimas de nada e freqüentam badaladas festas haves!!! 
  Esta é a justiça pregada pelos meus opositores “o inocente pagando pelo pecador”.
  Alguém aqui pode citar algum serviço relevante prestado pela UNE, alem da meia entrada no cinema alvo de incontáveis falsificações? 
  Carinha aí com carro do ano pagando meia, muitos deles não pagam nem a faculdade vejam o caso da USP ou UNICAMP.
  Quando vemos a burocracia que é para um hospital, escola ou policia receber algum recurso com a cantilena que faltam verbas e depois vemos uma UNE ganhando um prédio de 13 andares em área nobre é de se pensar: ou não faltam verbas ou elas são extremamente mal usadas, mentira, burrice ou injustiça, façam sua opção.

  Houve uma injustiça em 1964 que não tem como ser desfeita, temos que cuidar para que ela não volte a ocorrer, isto é INTELIGENTE.
  Punir os inocentes nascidos a partir de 1964 e presentear quem nunca sofreu, como forma de resgatar uma divida com quem já morreu é…ABSURDO!
  Ora, se não foi possível fazer justiça no tempo certo qualquer um que punirmos agora será uma INJUSTIÇA.

  Se em uma vida passada eu matei uma criança e não fui punido, não houve justiça.

  A “justiça” ocorreria agora eu sendo morto quando criança causando um grande sofrimento a minha mãe ou tendo minha filha que não tem nada a ver com meu crime sendo morta quando criança!

  Ocorre uma justiça ou um acumulo de injustiças?

 "Decifra-me ou te Devoro!”



anterior                       <>                                próximo