terça-feira, 17 de setembro de 2013

Plenitude Duradoura

  “Procura desenvolver os dotes intelectuais e morais que a felicidade apresentar-se-á.”
 [Bernard Shaw]

   Odair José cantava que felicidade não existe o que existe na vida são momentos felizes.
   Entre Shaw e Odair, fico com Odair.

  


  "Felicidade é o estado de quem é feliz, uma sensação de bem estar e contentamento, que pode ocorrer por diversos motivos.
   A felicidade é um momento durável de satisfação, onde o indivíduo se sente plenamente feliz e realizado, um momento onde não há nenhum tipo de sofrimento."
[Dicionário Google]

  Uma boa definição para felicidade seria alegria constante, plenitude, satisfação eterna ou pelo menos até a morte.
   Isso é que “eu” entendo por alcançar a felicidade.

  No paraíso prometido pelas religiões seremos felizes?
  Pode ser.
  Aqui na vida terrena não vejo como.
  Mas tudo depende do que significa “durável” para a pessoa.
  O indivíduo vive um bom momento e acredita que alcançou a tal felicidade.
  É uma aposta pra lá de otimista, quanto tempo podemos viver sem ter problema algum?
  Qual foi seu recorde?
  Comigo é "uma no cravo outra na ferradura."
  Sempre tem algum pepino para resolver, algum incomodo físico.

  Li a biografia de Bernard Shaw, não me pareceu uma pessoa feliz, se ele sabia a formula magica da felicidade porque não usou com ele mesmo!?

  Jesus por vezes se apresentou muito irritado, não podemos dizer que foi para o sacrifício da crucificação feliz da vida.

   Buda que deveria ser um exemplo de autocontrole, morreu gordo devido a gula, provavelmente por uma contaminação de carne de porco.
   Imagino que uma pessoa satisfeita com a vida não teria nada a compensar com o excesso alimentar.

 Você conhece alguém que é feliz?
 Conviveu com essa pessoa, ela estava sempre de bem com tudo?
 Já encontrei pessoas muito bem humoradas, quase sempre com uma piadinha, um gracejo, as que convivi um pouco mais por conta de trabalho e estudo tinham seus momentos de tristeza.
  Você encontrar o indivíduo de vez em quando e nesses momentos ele lhe passar uma alegria radiante ... não quer dizer que sempre esteja assim.
  Muitos comediantes se declaram deprimidos.

  Em busca dessa sensação de plenitude, satisfação duradoura, pessoas vão atrás de coisas como yoga, cultos, missas, terapias mil, para serem felizes e nem observam o grande detalhe:

  O professor de yoga, o pastor, o padre, o terapeuta... NÃO SÃO FELIZES.

  Como podem ensinar algo que não sabem!?

"Felicidade não existe o que existe na vida são momentos felizes.”
 
 Temos um vazio existencial que ainda não pode ser preenchido com nenhuma tecnologia, terapia ou procedimento conhecido.

  Conseguimos no máximo atordoar nossa consciência utilizando drogas ou nos tornando fanáticos em alguma ideologia/doutrina qualquer.


  “A gente pode ser feliz viver a vida sem sofrer É NÃO PENSAR no que vai ser."

  Ninguém consegue permanecer sem pensar o tempo todo.
  Incontrolavelmente vez ou outra sua mente se desdobrará em 3D e sabe o que estará lá?

  O VAZIO EXISTENCIAL.

  Impedindo que sua “sensação de plenitude” seja muito duradoura.


.


.


“Buda morreu por volta de 483 a.C., depois de um acesso de disenteria que teria sido causado pela ingestão de carne de porco.”

[Por Caco de Paula Publicado em 28 fev 2002
Revista Superinteressante]


__________________________