terça-feira, 3 de setembro de 2013

Terapia da Lógica


  “O importante é que você enxergue LÓGICA em enfrentar seu medo, perceba alguma vantagem ou necessidade.”

  Acredito que o uso da Lógica pode ser uma excelente terapia.
  Toda terapia tem propósito positivo de “cura”, “reestabelecimento”.

  Nessa meditação vamos (em uma “licença filosófica”) considerar uma terapia de “viver bem”.

  Meus propósitos basicamente são dois.

a) Promover a eficiência através do pragmatismo.

b) Promover a serenidade através do controle emocional.

  As terapias que encontro por aí tem como base a ILUSÃO, para elas funcionarem as ilusões tem que ser mantidas à revelia dos fatos o que não é nada fácil.

  Os alcoólicos anônimos são um exemplo fácil de “Terapia da Lógica”.
  Esfregam na cara do sujeito que ele não pode beber.
  Se é um fator genético ou trauma de infância fica em segundo ou terceiro plano.
  O cidadão não consegue parar de beber então pela lógica é melhor que nem comesse, evite a “primeira dose”.
  É ilusão achar que descobrir que o divórcio dos pais foi o gatilho que o levou ao alcoolismo vai te livrar dessa “compulsão”.
(Só um exemplo)

  É ilusão acreditar que temos “hoje” um remédio que vai acabar com seu vício em álcool.

  Tem as terapias do “pensamento positivo”.

  “Se você acreditar com toda força que consegue alguma coisa ... vai conseguir ... o universo começa a conspirar a seu favor”.

  Ter essa ilusão que pode atingir todos os seus objetivos bastando ter coisas como fé, persistência, força de vontade, pensamento positivo ... pode te manter animado por muito tempo.

  “Tudo tem a sua hora”.
 
  Se você ainda não atingiu o “sucesso”, não desanime, não desista, mais cedo o mais tarde tudo vai dar certo.

  São terapias “sonhadoras” bonitas, mas acontece que você estará cercado pela realidade e isto pode leva-lo a tomar psicotrópicos para suporta-la.

  Que realidade seria essa?
  Vamos a exemplos bem práticos.
  Acredito que pelo menos 90% das garotas um dia sonhou em ser grande atriz, cantora, modelo.

  O fato é que a maioria é tímida com relação ao palco.

  Cordas vocais de boa qualidade são um dom de nascença, não basta querer ser cantora, você tem que ter a habilidade de cantar bem.

  Para ser modelo é preciso ter altura, pensamento positivo, fé, não faz ossos crescerem.

  O garoto sonha em ser jogador de futebol, cantor, grande empresário rico e famoso ... tudo facinho de conseguir 😄

   Claro que temos que tentar realizar nossos sonhos, nossos desejos.
  Porem a vida fica muito complicada, vira pesadelo, se você simplesmente ignorar realidades e limitações.

   Conhecer a si mesmo implica em descobrir suas habilidades ou falta delas.

   Nos aceitar como somos poderia curar uma enormidade de nossas neuroses ou ao menos mantê-las a níveis aceitáveis.

  Vamos a mais um exemplo.
  Você não se sente confortável no poder, não se sente confortável comandando pessoas.
  Não deixe que um psicólogo ou livro de autoajuda lhe iluda que tudo é possível, basta você acreditar.
  O comando de alguma coisa pode se tornar um fardo tão pesado para você carregar que mais uma vez sofrerá muito ou recorrerá a drogas licitas, ilícitas, ou terapias placebo.

  Reforço que devemos tentar, para nos conhecermos por vezes a teoria não é suficiente, temos que experimentar.
   Apenas não deixe que a ilusão se sobreponha a razão, a lógica.

  Filosofe, conheça a si mesmo, dez anos de divã buscando o quê?
  Uma ilusão que lhe dê sentido à vida?

  Aceite que “talvez” na hora da morte você encontre algum sentido para a vida, mas se o dia de hoje e o de amanhã tiver algum sentido já estará diante de uma eficiente terapia.

  Viva com lógica a cada dia, dê um sentido a cada dia.

  Na hora da morte descobrirá que a vida teve um sentido...

 O SENTIDO QUE VOCÊ DEU A ELA!


 



.