sábado, 12 de outubro de 2013

Sobre Financiamento

 👨 "Só uma curiosidade, por que você não comenta sobre os trilhões (segundo o próprio FMI, mais de 8 trilhões) de dólares despejados nos bancos ou no sistema financeiro pelos governos do mundo inteiro, de 2008 para cá para salvar banqueiros e empresas falidas?!”
 [E-mail]

  Todo esse dinheiro foi para compra de títulos podres.
  Explicar isso é complexo, quem se interessar clique no link abaixo:



  Nessa meditação vamos voltar mais no tempo...

  Teve uma fase na minha vida de leituras que me interessei por biografias.
  São aqueles livros que narram em detalhes a vida de uma pessoa especifica.
  Li com muito interesse tudo que consegui sobre a vida de Henry Ford.

  A Ford Company passou por várias crises, nem sempre tudo foi um mar de rosas, vou falar de uma que filosoficamente foi interessante para mim.

  A Ford tornou-se imbatível em seus custos, ninguém conseguia produzir carros mais baratos que ela sem sacrificar a margem de lucro.
  Mas no Capitalismo (e na vida) o líder nunca pode se acomodar em berço esplêndido, sempre haverá quem queira tomar a sua posição, ser mais eficiente, encontrar outros caminhos.

   Muitas empresas dormiram líderes e acordaram falidas.

  A concorrência da Ford começou a estimular o FINANCIAMENTO de automóveis.

  (Sua principal concorrente era a GM – General Motors)

   Henry Ford não acreditava naquilo como algo INTELIGENTE a se fazer.

  Um homem deveria POUPAR e só comprar o que tivesse CONDIÇÃO DE PAGAR.

  Percebem a LÓGICA no pensamento de Ford?
  Perceberam como ela foi DERROTADA no decorrer da história?

  Hoje temos um setor financeiro muito mais poderoso (rico) que o setor produtivo, é uma total subversão da lógica que incrivelmente chegou até nossos dias.

  Para Ford o homem deveria comprar o produto, “carro”, e pagar seu justo valor.
  A concorrência transformou o “dinheiro” em produto, o carro passou a ser um detalhe e o lucro vinha dos JUROS.

  


   Eu poderia escrever um livro sobre isso, mas para bom entendedor um texto basta.
  Para o mal entendedor um livro não é suficiente.
  Para quem não quer entender ... todas as palavras já escritas não significarão nada.

  Já pensaram se a lógica de Ford fosse dominante na nossa economia?
  Milionários como Eike Batista nem existiriam.
  (Texto escrito em 22/Abril/2010)
  Ele não tem dinheiro, tem papéis sem valor algum em um mundo onde a lógica de Henry predominasse.

  Na minha vida a lógica de Henry prevalece, não compro dinheiro, só compro produtos que preciso e posso pagar.
  Dinheiro para mim não é produto é só um objeto de troca, um meio não um fim.

  O Capitalismo privilegia a produção e consumo.
  Privilegiar o pagamento de juros é fruto da imbecilidade humana.

  Quem sabe essa excelente ferramenta que é a Internet, reduza o número de imbecis.

  Vida longa e próspera ao “Bom Capitalismo”.


 “O Capitalismo privilegia PRODUÇÃO e CONSUMO.
   Privilegiar o pagamento de juros não tem a ver com o Capitalismo, é fruto da imbecilidade humana.”
  [William Robson]


.


.


2 comentários:

william robson solo disse...

é sempre tão curioso ler os teus textos..

primeiro porque raramente falam do tema...

segundo, porque 80% deles, são a falar de quão bons os teus textos são, que mesmo sem falarem do tema deviam ser suficientes para "bom entendedor" entender o tema que nem de perto falaste...

terceiro... porque falas do "ja voltamos a isso" (logo ao inicio) e não voltas

mas mais curioso ainda é um post de 2013, ter um link para outro que "no futuro" so viria a ser escrito 3 anos mais tarde" :D

essa necessidade compulsiva de mentires para fingires que és "verdadeiro" é tão reles.....

depois claro que é facil qualquer pessoa minimanente antenta como eu, te confrontar com as tuas proprias realidades :D

William Robson Anakin disse...

Já escrevi sobre isso:

https://terapiadalogica.blogspot.com/2018/05/filosofia-pragmatica.html

Meu primeiro Blog foi deletado do site Terra (O espaço para blogs foi “descontinuado”).
Tive que transportar ás pressas os textos para o Blogger, por isso alguns escritos em 2010 aparecem publicados em outra data.
.
Por vezes escrevo um texto no rascunho e demoro meses para publicar.
Atualmente tenho cerca 150 textos apenas no rascunho.
.
O Blogger passou por atualizações, links e imagens que apareciam em 2013 já não apareciam em 2016.
.
Eu tinha pouco conhecimento de edições e meu equipamento (PC) não tinha todos os recursos que tem hoje.
.
Enfim, ao invés de ficar escrevendo e publicando novos textos achei mais interessante e proveitoso revisitar as meditações, atualizar o visual, corrigir links e imagens que não funcionam mais ou sumiram.
Aproveito também para mostrar ligação entre textos novos e antigos.