sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Mosquito e a Aranha


“Presume-se que a mulher deve esperar, imóvel, até ser cortejada.
  Mais ou menos como a aranha espera a mosca.”
[Bernard Shaw]

😆   😆    😆

  Concordo com Shaw.
  Vejo homens se gabando de “pegar” a mulher.
  Não é bem o que observo.
  A mulher se enfeita, perfuma, "joga sua teia" e quem cair ela vê se quer ou não.

  Essa conversa minha com um colega é bastante ilustrativa.

👨 Peguei uma garota que eu estava muito a fim.

  Pegou!
  Ela foi forçada a transar com você ou transou por prazer?

👨 Por prazer, acho.

  Ela te levou com o carro dela?

👨 Não, fui com o meu.

  Ela pagou o combustível?

👨 Claro que não!

  Ela pagou algum lanche?

👨 Não. Eu que paguei.

  Então ela pagou o motel?
👨 Também não.

 Você sabe que se ela não te achou bom de cama irá comentar com a melhor amiga e a amiga falará para outras?

👨 É, eu sei.

  Resumindo: 

a) A mulher estava afim de transar, escolheu você que foi busca-la na porta de casa.
b) Você pagou tudo.
c) Se o seu desempenho sexual não foi bom será motivo de piada.
d) Teve que ser criativo no dialogo porquê é o homem que tem “obrigação” de ter bom papo.
e) Se ela gostou agora você tem a obrigação de namorar com ela, mas se não te curtiu…tiau, tiau, largue do pé dela!

QUEM PEGOU QUEM?

  





 👩 “Gostei da reflexão, más só homens castrados agem assim.
  Os babacas domados pelo feminismo.
  São os trouxas que vão pagar caro por uma puta disfarçada e interesseira qualquer.
  Sem o Mínimo de auto estima este coitado vai se prestar a uma relação de merda porque não se porta como um homem
[Comentarista no G+] 

  Em primeiro lugar não sei o que quis dizer com “castrados”.
  Se está se referindo a homens impotentes, esses evitam sair com mulheres até que recorram a algum tratamento, hoje em dia há vários disponíveis.

  Em segundo lugar não sou “castrado”, impotente, tenho autoestima dentro da média.
 “Culturalmente” não tive escapatória.
  No tempo de solteiro não me lembro de nenhuma mulher que eu saí ter pago alguma coisa para mim.
  (Minha esposa já pagou várias coisas, mas é outro tipo de relação.)

  Imagine, eu me interesso por uma mulher, a convido para sair e aviso:
  “Cada um paga o seu.”
(Se a moça fizesse questão disso eu aceitaria, mas nunca aconteceu)

  Você está convencendo a mulher a ir para o motel e o toque final é:
 “Você paga?”
       😄
  A moça “broxa” na hora.

  Esse meu texto não é para atacar a Cultura vigente, foi apenas para tornar as relações mais “conscientes”.
  Não tem essa história que “o homem fez mal para moça” ou “que mulher direita não transa”.
  Não sou fã da teoria de “Anular Gêneros”.
  Homem e mulher tem seus papéis sociais é um gostoso jogo da sedução... coisa que encontramos em qualquer espécie de mamíferos.
  Isso não foi “romântico”, a meditação também não é.




.

Um comentário:

Leo disse...

Também há pessoas castradas de neurónios. No grupo das mulheres há as femeninistas, nos homens, por estranho que pareça, não são marxistas porque não conseguem ser machos. Por não terem neurónios, não conseguem distinguir o que se discute no contexto do que aqui foi relatado, em relação ao que na realidade se passa no dia a dia.